Evento sobre Dezembro Vermelho foi realizado na Uniron

Evento sobre Dezembro Vermelho foi realizado na Uniron

No dia 01º deste mês, a Uniron em parceria com a Associação Beradeiro, e apoio da Secretaria Municipal de Saúde - Semusa e Agência de Vigilância em Saúde de Rondônia - Agevisa, promoveu a 2ª edição do Seminário Dezembro Vermelho, alusivo ao dia mundial de combate a AIDS. O evento aconteceu no auditório da Unidade II – Shopping.

A AIDS é uma epidemia mundial, que em 2021 completa 40 anos e apesar de muitos avanços na tecnologia do tratamento antirretroviral, a luta contra essa doença ainda faz parte da atmosfera simbólica de estigmas e preconceitos. Com a Pandemia da Covid-19, esse cenário ficou ainda mais nebuloso, já que as pessoas com HIV/AIDS enfrentam dificuldades crônicas voltadas a melhorias de acesso aos serviços de saúde.

O Seminário proporcionou a sociedade em geral, aos profissionais de saúde e aos acadêmicos da Uniron, uma tarde de amplos diálogos e debates sobre as questões técnicas e políticas que envolvem o HIV/AIDS e as demais Infecções Sexualmente Transmissíveis (IST).

O evento contou com palestras cujo temas versaram sobre:

- Panorama da Situação Epidemiológica do HIV/AIDS em Rondônia na última década: Perspectivas para o Futuro;
- Panorama Situacional da Sífilis Adquirida e da Sífilis Congênita e Ações desenvolvidas pelo Comitê Municipal da Sífilis em Porto Velho;
Autoteste, Prep (Pré-exposição) e Pep (Pós-exposição): inovações no contexto da prevenção do HIV/AIDS;
- Resultados da I Mostra de Saúde Coletiva e Prevenção das IST da Uniron;
- Panorama Situacional das Hepatites Virais em Rondônia e dos Atendimentos do SAE - a Experiência de Porto Velho-RO.

O encontro integra as ações do projeto Rondônia Viva Melhor Sabendo, que consiste no rastreamento do HIV em comunidades tradicionais de Rondônia, desenvolvido pela Associação Beradeiro em conjunto com os acadêmicos de enfermagem da Uniron.

Para a acadêmica Vanessa de Souza Canterle, do 10º período de Enfermagem da UNIRON, o seminário foi relevante para aumentar os seus conhecimentos sobre o tema e as palestras proferidas trouxeram dados realísticos que chamaram a sua atenção e que precisam ser discutidos.

Conforme Souza cita, “já tive o privilégio de participar das ações desenvolvidas pela Associação Beradeiro, dentro do projeto Rondônia Viva Melhor Sabendo, com a oferta de autotestes para diagnóstico do HIV e me deparei com um resultado positivo. Com as palestras, trouxe à tona toda a minha vivência e as experiências adquiridas nesse período”.

A acadêmica Ana Cláudia Almeida da Costa, do 9º período de Enfermagem, relata que: “participar do seminário foi algo gratificante e como futura profissional de saúde, pôde alinhar os conhecimentos e tirar dúvidas sobre a temática”.

Para o coordenador do evento, que é presidente da Associação Beradeiro e docente do curso de Enfermagem da Uniron, Marcuce Antonio Miranda dos Santos, esse tipo de evento torna-se um espaço de atualização sobre as questões técnicas, políticas e sociais que envolvem a questões do HIV/AIDS.

“Trazer personagens da gestão estadual e municipal do HIV/AIDS e outras IST, é uma oportunidade singular para os acadêmicos, que futuramente serão os responsáveis pelos processos de prevenção, diagnóstico e tratamento do HIV/AIDS em Rondônia. O seminário conseguiu complementar tudo aquilo que o curso de Enfermagem da Uniron trabalhou dentro de disciplinas da área da saúde em sala de aula e nas suas atividades práticas com a ONG Beradeiro”, afirma Antonio.

Conforme afirma a Enfermeira Denise dos Santos Cavalcante, que atua como Coordenadora Estadual da área técnica do HIV/AIDS, “o seminário Rondônia Viva Melhor Sabendo, foi de grande importância. Discutir, trocar informações, falar de prevenção do HIV/AIDS e outras IST com a academia, soma forças no combate a essa pandemia”.

Coronel Gregório, que é o Diretor Geral da AGEVISA/RO, cita que: “a política de apoio e incentivo do governo do Estado por meio da Agência de Vigilância em Saúde Pública - AGEVISA/RO a estes programas de prevenção às IST creio, ser de suma importância para promover além de saúde pública responsável, uma qualidade de vida aceitável a uma parcela de cidadãos que tanto necessitam”.

De acordo com Lisséia Cristiane Souza do Vale, coordenadora do curso de Enfermagem da UNIRON, “este evento foi uma oportunidade ímpar de integração entre a comunidade acadêmica, profissionais de saúde e gestores de serviços de saúde voltados para a atuação nas ações de prevenção, diagnóstico e tratamento das ISTs e do HIV/AIDS”.

Ainda, de acordo com Cristiane, é de suma importância abordar estes assuntos para ampliar a contribuição no desenvolvimento da assistência em saúde e preparar os discentes, sensibilizando-os para as atividades e o atendimento a ser prestado.

Conheça um pouco mais sobre o projeto Rondônia Viva Melhor Sabendo, acessando o link.

Evento sobre Dezembro Vermelho foi realizado na Uniron Evento sobre Dezembro Vermelho foi realizado na Uniron Reviewed by Jotta Júnior on dezembro 10, 2021 Rating: 5
Tecnologia do Blogger.