Inovação e expansão de serviço marcam atuação do Samu em Porto Velho

Sistema tecnológico e ampliação das unidades contribuíram para melhoria no atendimento

Equipes do Samu foram peça chave no atendimento a pacientes com covid-19Equipes do Samu foram peça chave no atendimento a pacientes com covid-19Com o intuito de prestar o atendimento pré-hospitalar de melhor qualidade à população, o município de Porto Velho implementou diversos investimentos ao Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). Ao longo de 2021, as ações contemplaram desde a implantação de sistema tecnológico às capacitações dos profissionais.

“O objetivo do Samu é salvar vidas. Dentro das diretrizes, é o tempo resposta e o atendimento pré-hospitalar que garantem a vida da vítima, seja ela por acidente de trânsito, clínico, trauma e, também, de remoção. Isso foi muito nítido durante o período de pandemia, em que fizemos o transporte de muitas pessoas das UPAs para as unidades hospitalares para tratamento de covid-19”, destaca Raymison Correa, gerente do Samu.

Durante o segundo cenário pandêmico, a demanda pelo serviço aumentou consideravelmente. Em janeiro deste ano, foram registradas 6.983 chamadas com 815 atendimentos pré-hospitalares, 438 desses estavam relacionados à covid-19.

Atualmente, o Samu é composto por um efetivo de 168 servidores, entre médicos, enfermeiros, técnicos e auxiliares de enfermagem, condutores, socorristas e a parte administrativa. Para garantir a saúde dos servidores, as equipes reforçaram o uso de equipamentos de Proteção Individual (EPIs) que foram disponibilizados pela Secretaria Municipal de Saúde (Semusa).

Investimento em tecnologia ajudou a otimizar atendimentosInvestimento em tecnologia ajudou a otimizar atendimentosESTRUTURA E INOVAÇÃO

Entre as ações de destaque em 2021, esteve a regulamentação dos repasses para manutenção das dez unidades móveis, incluindo a do distrito de de Jaci-Paraná. Além disso, o Samu passou por melhorias em suas estruturas, com a implantação de placas identificativas, critério adotado pelo Ministério da Saúde (MS).

Progresso também no atendimento. Em maio deste ano, o Samu passou a contar com o uso da tecnologia, por meio do vSkySamu, ferramenta de comunicação por satélite, que permite que a central de regulação acompanhe o atendimento das ambulâncias em qualquer lugar.

Além disso, a plataforma controla todas as etapas envolvidas no atendimento, desde o recebimento da ligação, a regulação médica, o acionamento da ambulância, o atendimento ao paciente até o fechamento da ocorrência.

“A implantação desse sistema gerou um grande avanço nas informações do Samu, onde temos as gravações das ligações e conseguimos, automaticamente, fazer o registro de todos os dados e o mapeamento de casos como violências, atendimentos psiquiátricos, endereços em tempo real, movimento das ambulâncias, entre outras. Antes, tudo era feito manualmente, agora, contamos com algo inovador para a qualidade e agilidade do serviço”, pontuou o gerente do Samu.

Prefeitura investiu em capacitação para atendimento em cenários de riscoPrefeitura investiu em capacitação para atendimento em cenários de riscoCAPACITAÇÕES

Para garantir melhor segurança e qualidade no atendimento, o Samu realizou em 2021 cerca de oito capacitações junto às equipes, entre rodas de conversas para a valorização da saúde mental dos servidores e o acolhimento mais humanizado para a população.

“Foram treinamentos e capacitações voltados à saúde do trabalho, na parte psicológica em virtude da pandemia. Isso gerou mais motivação para todos. Promovemos, ainda, jogos internos do Samu, participamos de olimpíadas, promovendo bem-estar aos servidores”, destacou.

O Samu também promoveu treinamento de direção tática aos condutores socorristas. A capacitação dá mais qualidade ao atendimento prestado pelo Samu para a população, que passa a contar com equipes preparadas para atuar em qualquer cenário de risco.

Samu investiu em campanhas de conscientização e simulação em 2021Samu investiu em campanhas de conscientização e simulação em 2021OCORRÊNCIAS

A atuação das equipes do Samu foi crucial nos acidentes de trânsito. De janeiro a outubro de 2021 foram registradas mais de 1.200 ocorrências de acidentes de trânsito envolvendo atropelamentos, colisão entre carros, motos e bicicletas. É por essa razão, que o Samu investiu, de forma maciça, em campanhas de conscientização.

Outros casos também fazem parte do trabalho das equipes como demandas de queimaduras, afogamentos, problemas cardíacos e todas as situações consideradas de urgência e emergência, com risco de morte, sequelas ou sofrimento intenso.

CAMPANHA “SINAL VERDE SAMU”

O Samu também tem atuado em ações de prevenção, a exemplo da campanha “Sinal Verde Samu”, realizada em meados de maio deste ano, que contou com a parceria do Departamento Estadual de Trânsito (Detran). A simulação do acidente além de sensibilizar a população, buscou avaliar o tempo de resposta a partir do chamado recebido pela equipe do Samu. A campanha é fruto das articulações com o Comitê Viário de Trânsito da Vigilância Epidemiológica da Semusa, reativado neste ano.

Ampliação do serviço chegou a distritos de Porto Velho com nova unidadeAmpliação do serviço chegou a distritos de Porto Velho com nova unidadeEXPANSÃO DO SAMU

O município também ampliou os serviços do Samu, alcançando a população dos distritos. Um exemplo dessa expansão é a nova base no distrito de Jaci Paraná, localizada a 100 quilômetros da capital, inaugurada em junho deste ano. Só no primeiro mês, o Samu registrou aumento de 53% dos atendimentos na região. A pretensão é que mais uma ambulância seja inserida no distrito.

Também já segue em andamento a implantação de uma unidade do Samu nos distritos de Vista Alegre do Abunã e União Bandeirantes, além dos estudos de fluxo para o atendimento na região do baixo Madeira.

“Demos um grande avanço nas políticas públicas, dentro das diretrizes do Samu, inovando na qualidade dos serviços, desde o tempo resposta nos atendimentos à prevenção de acidentes. O Samu tem se destacado ainda como articulador junto às demais instituições e somado forças com a sociedade”, concluiu o gerente do Samu.

Para acionar o serviço do Samu, basta ligar para o telefone 192. As ligações são gratuitas para telefones fixo e móvel.

Inovação e expansão de serviço marcam atuação do Samu em Porto Velho Inovação e expansão de serviço marcam atuação do Samu em Porto Velho Reviewed by Jotta Júnior on dezembro 30, 2021 Rating: 5
Tecnologia do Blogger.