Acusado de matar vigilante é preso na capital

Acusado de matar vigilante é preso na capital

Eder do Carmo de Souza, 39 anos, foi preso na manhã desta segunda-feira (7), por policiais da Delegacia de Homicídios, acusado de matar a tiros o vigilante Irlan Rodrigues Barreto, 41 anos, na noite do dia 30 de setembro do ano passado, em frente a uma vila de apartamentos, localizada na rua Davi Canabarro, Bairro Costa e Silva, Zona Norte de Porto Velho.

No dia do crime, a vítima estava chegando em uma vila de apartamentos, quando dois homens em uma motocicleta se aproximaram, um deles sacou a arma e efetuou vários disparos contra Irlan.


Uma equipe do Samu foi acionada, prestou os primeiros atendimentos à vítima, que ainda estava consciente, mas ela não resistiu aos ferimentos e morreu no local.


Policiais da Delegacia de Homicídios estiveram no local e iniciaram as investigações para apurar a morte.


Com o avanço dos trabalhos, a Polícia chegou até Irlan, apontado como o ator do crime. A vítima, que era vigilante, fazia a segurança do local onde Eder trabalhava.


Nesta manhã, os policiais foram até a Central de Óbitos do Município, onde Eder estava trabalhando e cumpriram o mandado de prisão.


A arma usada no crime foi encontrada em um balneário, na zona rural da capital.


Acusado de matar vigilante é preso na capital Acusado de matar vigilante é preso na capital Reviewed by Jotta Júnior on fevereiro 07, 2022 Rating: 5
Tecnologia do Blogger.