A crítica de Bolsonaro às cartas em defesa da democracia

O WW traz a análise da conjuntura por trás dos fatos. Com a participação de um time de analistas, o programa aprofunda o que é notícia no Brasil e no mundo

Nesta edição, o WW analisa a declaração do presidente Jair Bolsonaro (PL) sobre a divulgação de cartas em defesa da democracia. Bolsonaro voltou a dizer nesta quarta-feira (27) que respeita a Constituição.

Durante a convenção do Progressistas, em Brasília, ele afirmou que não precisa de “cartinha” para demonstrar seu apoio às instituições. “Vivemos em um país democrático, defendemos a democracia, não precisamos de nenhuma cartinha para falar que defendemos a democracia”, afirmou o presidente.

E ainda: William Waack e o time de analistas debatem a declaração do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) sobre o teto de gastos. O petista voltou a criticar as regras que limitam os gastos do governo federal e defendeu mais investimentos em áreas como Saúde, Educação, Ciência e Tecnologia.

Ele chamou o mecanismo de controle das contas públicas de “irresponsável”. “Não preciso de teto de gastos, quando você faz uma lei de teto de gastos é porque é irresponsável, porque você não confia no seu taco e não confia no que vai fazer”, disse em entrevista ao portal UOL.

Para falar sobre o teto de gastos, o programa recebe o pesquisador Samuel Pessôa, do Julius Baer Family Office.

A crítica de Bolsonaro às cartas em defesa da democracia A crítica de Bolsonaro às cartas em defesa da democracia Reviewed by Jotta Júnior on julho 28, 2022 Rating: 5
Tecnologia do Blogger.