Primeira metade da temporada expõe domínio absoluto de três equipes na F1

Primeira metade da temporada expõe domínio absoluto de três equipes na F1

Em uma das temporadas mais aguardadas da Fórmula 1 nos últimos anos, o campeonato de 2022 da principal categoria do automobilismo mundial vem entregando em partes o que dele se esperava. Se, por um lado, as novas mudanças de regulamento e design dos carros vêm proporcionando mais ultrapassagens e disputas na pista, por outro, a briga por pódios se afunilou entre apenas três das dez equipes participantes.

Após cumpridas 11 das 22 provas previstas no calendário, o que se viu foi um amplo domínio de Red Bull, Ferrari e Mercedes, com a presença constante dos seis pilotos que representam essas marcas entre os três primeiros colocados. A única exceção até aqui aconteceu no GP da Emilia-Romagna, com o terceiro lugar do “penetra” Lando Norris, da McLaren.

Entre os protagonistas da temporada, os pilotos da RBR, Max Verstappen e Sérgio Perez, possuem oito e seis pódios, respectivamente. Pelo lado da Ferrari, Carlos Sainz recebeu a bandeirada entre os três primeiros em seis oportunidades e Charles Leclerc, cinco. Já os octacampeões da Mercedes emplacaram sete presenças na cerimônia de premiação, quatro com Lewis Hamilton e outras três com George Russell.

Primeira metade da temporada expõe domínio absoluto de três equipes na F1 Primeira metade da temporada expõe domínio absoluto de três equipes na F1 Reviewed by Jotta Júnior on julho 26, 2022 Rating: 5
Tecnologia do Blogger.