Senador Confúcio visita Capitania Fluvial de Porto Velho, que atua em 658,5 mil K² da Amazônia e receberá mais recursos a partir de 2023

Há um imenso território de águas na Amazônia Ocidental Brasileira interligando os estados do Acre, Amazonas e Rondônia. Este cenário foi reconferido nessa quarta-feira, 27, pelo senador Confúcio Moura (MDB-RO), durante visita à sede da Capitania Fluvial de Porto Velho, da Marinha do Brasil.

Reunido com o Capitão de Fragata comandante da Capitania Fluvial de Porto Velho, Marcelo de Souza Barbosa, o senador se comprometeu em estender o seu trabalho ao aparelhamento dessa Unidade subordinada ao 9º Distrito Naval da Marinha do Brasil, com destinação de recursos provenientes de emendas parlamentares no ano de 2023.

“A abrangência é grande, o trabalho de segurança da navegação gigantesco e preventivo, mas também há carências, e assim, quando soube da necessidade de alguns reparos em equipamentos avariados, não há como não viabilizarmos a ajuda financeira”, disse o senador após assistir à apresentação dos dados.

Sólida parceria

Na ocasião, o coronel PM Maurício Marcondes Gualberto, ex-chefe da Casa Militar do Governo do Estado de Rondônia, lembrou que, naquele período, enquanto governador, Confúcio visitou o Comando da Marinha e o Ministério da Defesa, reivindicando a elevação da Delegacia Fluvial para Capitania em Porto Velho, o que ocorreu pouco tempo depois.

O parlamentar agradeceu o convite, reafirmando a preocupação com a fiscalização fluvial e a parceria com a instituição. 

A capitania 

Responsável pela extensão do rio Madeira [o maior afluente da margem direita do rio Amazonas], sua área de atuação de 658,5 mil km² extrapola os limites de Porto Velho. Desde 1º de outubro de 2019, pela Portaria nº 281 assinada pelo Comandante da Marinha do Brasil, a Capitania passou a subordinar as agências de Guajará-Mirim, Boca do Acre (AM) e Humaitá (AM).

Além de fiscalizar cotidianamente os rios sob sua jurisdição, a Capitania Fluvial em Porto Velho inscreve e vistoria embarcações, e ao mesmo tempo forma tripulantes profissionais por meio de cursos e concursos públicos.

Senador Confúcio visita Capitania Fluvial de Porto Velho, que atua em 658,5 mil K² da Amazônia e receberá mais recursos a partir de 2023 Senador Confúcio visita Capitania Fluvial de Porto Velho, que atua em 658,5 mil K² da Amazônia e receberá mais recursos a partir de 2023 Reviewed by Jotta Júnior on julho 28, 2022 Rating: 5
Tecnologia do Blogger.