Aras afirma à CNN que acordo sobre vítimas de Mariana “está perto de solução”

Estima-se que o acordo fique em pelo menos R$ 126 bilhões

Procurador-geral da República, Augusto Aras

procurador-geral da República, Augusto Aras, afirmou à CNN que o acordo para reparar danos às vítimas e ao Estado pelo rompimento da barragem de Mariana (MG) está perto de uma solução que poderá ser anunciada na próxima terça-feira (23), em Brasília, pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ). Há mais de 85 mil ações judiciais sobre a tragédia.

Aras participou nesta sexta-feira (19) de reunião, com o governador mineiro, Romeu Zema (Novo), funcionários do governo do Espírito Santo, o presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Luiz Fux e representantes das mineradoras Samarco, Vale e BHP Billiton, responsáveis pela barragem de Fundão.

A tragédia deixou 19 mortos, em 2015, e causou graves danos ambientais aos estados. De acordo com Aras, a conversa foi proveitosa. “Estamos próximos de encontrar solução que recomponha os danos causados ao meio ambiente, população e aos estados”, disse à CNN.

Aras afirma à CNN que acordo sobre vítimas de Mariana “está perto de solução” Aras afirma à CNN que acordo sobre vítimas de Mariana “está perto de solução” Reviewed by Jotta Júnior on agosto 19, 2022 Rating: 5
Tecnologia do Blogger.