Comerciante é preso com uma tonelada de pirarucu em Rondônia

Um comerciante foi preso pela Polícia Militar, após ser flagrado transportando ilegalmente, cerca de uma tonelada de pirarucu, em Costa Marques. O pescado era transportado em uma caminhonete. O motorista do veículo foi abordado na altura do distrito de São Domingos do Guaporé.

Após ser flagrado com a carga de peixe na carroceria do veículo, o comerciante admitiu que comprou o pescado no distrito do Forte do Príncipe da Beira, próximo à fronteira com a Bolívia, e que pretendia vendê-la na cidade de Ji-Paraná, a mais de 500 quilômetros de distância.

O motorista não tinha a documentação exigida para o transporte de pescado, e apresentou apenas uma guia de transporte animal, que não era válida para o caso. Além disso, segundo a Polícia, ele infringiu a legislação ambiental, que proíbe a pesca e o comércio de pirarucu em determinados períodos do ano, para garantir a preservação da espécie.

Segundo a Lei Federal 9.605/98, o transporte ilegal de pirarucu é um crime ambiental, que pode resultar em pena de reclusão de um a três anos e multa.

O motorista foi conduzido à delegacia de Polícia Civil da cidade de Costa Marques, onde foi autuado em flagrante.

A carga de peixe foi apreendida e doada para instituições sociais da região, conforme estipula a lei.

Rondoniagora.com