Indígenas pedem diálogo com secretaria do Governo Federal, e relatam falta de remédios básicos

 Indígenas pedem diálogo com secretaria do Governo Federal, e relatam falta de remédios básicos

O deputado federal Lúcio Mosquini (MDB), vice-líder do Governo Bolsonaro na Câmara, esteve reunido com representantes dos povos indígenas de Rondônia que estiveram reivindicando melhorias para o setor de Saúde.
O encontro aconteceu na Secretaria Municipal de Saúde em Ji-Paraná, e contou com a presença do adjunto Ivo Silva, e indígenas da etnia Gavião representado pelo líder Josias Cebirop Gavião, além de representante do Conselho Distrital.
Os indígenas reivindicam estoque de medicamentos, como dipirona, paracetamol, ibuprofeno e xaropes. Os medicamentos são essenciais no combate a febre, dores, e sintomas relacionados a gripe, indispensáveis no dia a dia.
Outra reclamação foi pela melhoria nas condições de atendimento, e a falta de diálogo com a SESAI. Para os indígenas, é preciso resolver problemas de natureza operacional e administrativa, porém questionam que sempre que tentam sugerir novas ideias não são ouvidos. "Se precisarmos de um carro para ir até a aldeia socorrer um doente, constantemente a resposta que temos é que não será possível executar o serviço por falta de combustível", disse Cebirop.
Para os indígenas tal fato não poderia acontecer pois coloca em risco a vida dos indígenas, principalmente aqueles que estão nas aldeias mais afastadas. O deputado federal Lucio Mosquini após ouvir as demandas se comprometeu em levar as reinvidicações até a Secretaria Especial de Saúde indígena em Brasília para que os problemas sejam resolvidos.

Indígenas pedem diálogo com secretaria do Governo Federal, e relatam falta de remédios básicos Indígenas pedem diálogo com secretaria do Governo Federal, e relatam falta de remédios básicos Reviewed by Jotta Júnior on fevereiro 22, 2022 Rating: 5
Tecnologia do Blogger.