Confúcio Moura preside Audiência Pública na Comissão de Educação que trata sobre o aumento da violência nas escolas

 O senador considera os índices assustadores e, na sua visão, a escola é uma das ultimas barreiras para que a sociedade não seja dominada pela barbárie

 


Sob a presidência do senador Confúcio Moura (MDB-RO), a Comissão de Educação, Cultura e Esporte do Senado Federal irá debater na próxima quarta-feira, 08, formas para mitigar os elevados índices de violência no ambiente escolar nas instituições de ensino público. O evento ocorrerá de forma semipresencial.  

Confúcio Moura, que foi o autor do requerimento da Audiência, justificou o pedido afirmando que o retorno às aulas presenciais está produzindo um turbilhão de acontecimentos no ambiente escolar, onde a violência está ocupando um papel de destaque muito negativo. “A escalada da violência está assustando pais, alunos e profissionais da educação, em particular depois da retomada presencial às aulas”. 

O parlamentar argumenta que a situação agravou bastante em função da pandemia, uma condição que já era ruim e, com o retorno das aulas presenciais, os indicadores de violência passaram a assustar. “O momento é importante para buscarmos soluções. A pandemia afetou o desenvolvimento das nossas crianças, adolescentes e jovens por tantos meses em casa, sem contato com a escola, com os colegas e familiares”, disse. 

Para a audiência pública foram convidados renomados especialistas da área educacional, como o secretário de Educação Básica do MEC, Mauro Luiz Rabelo; o médico psiquiatra, educador, especialista em temas ligados à juventude, Jairo Bouer; a secretária de Educação do Distrito Federal, Helvia Paranaguá; o secretário de Educação do Estado de São Paulo, Rossieli Soares; e o especialista em segurança pública nas Escolas, Igor Pipolo.


Confúcio Moura preside Audiência Pública na Comissão de Educação que trata sobre o aumento da violência nas escolas Confúcio Moura preside Audiência Pública na Comissão de Educação que trata sobre o aumento da violência nas escolas Reviewed by Jotta Júnior on junho 07, 2022 Rating: 5
Tecnologia do Blogger.