Chuvas volumosas no Sul, Sudeste e Nordeste devem ser registradas nesta terça-feira (28), com estado de alerta e perigo para diversas regiões do país, segundo o Cemaden.

Por Hora 1

  • País deve registrar chuvas volumosas, perigo de deslizamentos e ventos de até 80 km/h nesta terça-feira (28), principalmente nas Regiões Sul, Sudeste e uma faixa do Nordeste.

  • Esse volume de chuvas dos últimos dias é consequência direta do El Niño atuando sobre o Oceano Atlântico, que está com temperatura das águas de 1,5 a 1,8°C acima do normal.

  • Leste da região Sul e estado do Rio Grande do Norte estão em estado de perigo segundo o Cemaden, com risco para chuva volumosa, raios, inundações e deslizamentos.

  • Para a região entre MS, MG, os estados de SP, RJ, PR e SC inteiros e metade do RS e a região entre João Pessoa e Fortaleza há perigo de chuva forte, alagamentos e ventos de até 80 km/h.

Previsão do tempo: chuva com raios de Fortaleza até João Pessoa

Previsão do tempo: chuva com raios de Fortaleza até João Pessoa

As chuvas vão continuar por todo o país nesta terça-feira (28), e as Regiões Sul, Sudeste e uma faixa do Nordeste devem ficar em estado de alerta para chuva volumosa, ventos fortes, alagamentos, deslizamentos e ventos de até 80 km/h, segundo o Cemaden.

As chuvas volumosas que estamos presenciando nos últimos dias são consequência direta do El Niño atuando sobre o Oceano Atlântico, que está com temperatura das águas de 1,5 a 1,8°C acima do normal.

Os temporais podem atingir as seguintes regiões do país, que podem registrar desde alagamentos e deslizamentos até o risco de chuvas volumosas acima do normal, raios e ventos de até 80 km/h, segundo o Cemaden:

  • ⚠️ Perigo: Faixa entre leste de RS e SC e um pouco do sudeste do PR, com risco para chuva volumosa, inundações e deslizamentos.
  • ⚠️ Perigo: Rio Grande do Norte, com risco para chuva volumosa, raios, inundações e deslizamentos. A capital Natal, que recebeu 200mm de chuva na segunda, deve ter mais 50mm nesta terça.
  • ⚠️ Alerta: Região entre metade sul de MS, boa parte do sul de MG, pegando os estados de SP, RJ, PR e SC inteiros e metade do RS. Há perigo de chuva forte, alagamentos, ventos de até 80 km/h e granizo isolado.
  • ⚠️ Alerta: Região costeira entre João Pessoa, na Paraíba, e Fortaleza, no Ceará, com grandes chances de chuva forte, alagamentos e raios.

O sistema de alta pressão em alto mar continua tendo grande influência nas regiões Sul e Sudeste, que aliado a uma faixa de umidade vinda do Norte e um cavado a 5 mil pés de altitude, manda muitas nuvens de tempestade para a região. Florianópolis deve registrar 70mm de chuva nesta terça.

A chuva volumosa com raios prevista para o Nordeste acontece por conta de um sistema de baixa pressão aliado a um vórtice ciclônico de altos níveis, a 10 mil metros da superfície, e aos ventos que vêm do mar.

Umidade baixa no centro do país

O El Niño também aumenta a secura no interior do país. O estado é de alerta para a região entre Tocantins, Piauí e Bahia, com umidades que vão de 12 a 20%.

Uma área mais estendida que pega todo o Tocantins, sul do Piauí, metade leste da Bahia e norte de MG que fica com níveis entre 20% a 30% de umidade.

Máximas

As máximas nesta terça (28) ficam em 27°C em São Paulo, 31°C no Rio, 34°C em Cuiabá e 36°C em São Luís. No Sul as temperaturas baixam, com 23°C em Porto Alegre e Curitiba e 22°C em Florianópolis.