Dragas utilizadas para garimpo ilegal no rio Madeira foram destruídas pela PF — Foto: Polícia Federal/Divulgação
1 de 1 Dragas utilizadas para garimpo ilegal no rio Madeira foram destruídas pela PF — Foto: Polícia Federal/Divulgação

Dragas utilizadas para garimpo ilegal no rio Madeira foram destruídas pela PF — Foto: Polícia Federal/Divulgação

Uma operação de combate à extração ilegal de ouro no leito do rio Madeira foi realizada na última sexta-feira (10) em Rondônia. A ação foi realizada por agentes da Polícia Federal (PF) e do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Renováveis (Ibama).

Ao todo, durante a Operação Febre do Fogo, foram inutilizadas 38 dragas utilizadas para o garimpo ilegal do minério. Também foi apreendido um frasco de mercúrio, metal tóxico e poluente utilizado na extração do ouro.

Segundo a PF, participaram 26 policiais treinados para atuar na hidrovia e realizar abordagens táticas nas embarcações onde estavam os criminosos.