O Hamas libertou nesta sexta-feira (24) o primeiro grupo de 24 reféns após o acordo entre Israel e Hamas, que prevê uma trégua de quatro dias no conflito na região. Os reféns são 13 israelenses, 10 cidadãos tailandeses e 1 filipino.

Por g1

Israelenses libertados em acordo de cessar-fogo

Israelenses libertados em acordo de cessar-fogo

Os primeiros 24 reféns libertados pelo Hamas nesta sexta-feira (24), no primeiro dia de trégua na guerra, foram 13 mulheres e crianças israelenses, 10 cidadãos tailandeses e 1 filipino. Veja quem são as israelenses abaixo. Os tailandeses e o filipino ainda não foram identificados.

Ao chegar em Rafah, no Egito, primeiro posto do trajeto até Israel, os 24 reféns de Gaza foram submetidos aos primeiros exames médicos. Segundo o porta-voz do Exército israelense, ninguém apresentou emergências de saúde.

Mais 14 reféns em poder do Hamas devem ser libertados neste sábado (25), em troca de mais 42 prisioneiros palestinos pelo lado de Israel.

O exército divulgou uma lista das pessoas libertadas (veja abaixo quem são).

"Os reféns libertados passaram por uma avaliação médica inicial dentro do território israelense. Eles continuarão a ser acompanhados por soldados da IDF em seu caminho para hospitais israelenses, onde se encontrarão com suas famílias", disseram os militares.

As libertações do primeiro grupo de reféns aconteceram em acordo separados. O acordo para a libertação dos israelenses foi mediado por Catar, Egito e Estados Unidos, entre Israel e o Hamas. Já a soltura dos tailandeses e do filipino fez parte de outro acordo mediado pelo Catar e pelo Egito.

Veja quem são os 13 israelenses libertados:

Aviv Katz Asher, 2

Aviv Katz, de 2 anos — Foto: Foto: Reuters

Raz Katz Asher, 4

Raz Katz, de 4 anos. — Foto: Foto: Reuters

Emilia Aloni, 5

Emilia Aloni, de 5 anos — Foto: Foto: Reuters

Ohad Munder, 9

Ohad Munder, de 9 anos. — Foto: Foto: Reuters

Doron Katz Asher, 34

Doron Katz Asher, de 34 anos — Foto: Foto: Reuters

Danielle Aloni, 44

Daniele Aloni — Foto: Foto: Reuters

Keren Munder, 54

Keren Munder, de 54 anos. — Foto: Foto: Reuters

Adina Moshe, 72

Adina Moshe, de 72 anos — Foto: Foto: Reuters

Hanna Katzir, 77

Hanna havia sido dada como morta pela Jihad Islâmica, poucos dias antes de Israel e Hamas terem entrado em um acordo de cessar-fogo temporário.

A israelense, Hanna Katzir, foi uma das pessoas libertadas pelo Hamas na sexta-feira; mulher havia sido dada como morta pela Jihad Islâmica. — Foto: Folheto Bring Them Home via Reuters

Rout Munder, 78

Rout Munder, de 78 anos — Foto: Foto: Reuters

Margalit Mozes, 77

Margalit Mozes, de 77 anos — Foto: Foto: Reuters

Channa Peri, 79

Channa Peri, de 79 anos — Foto: Foto: Reuters

Yafa Adar, 85

Yafa Adar, de 85 anos — Foto: Foto: Reuters

Mais velha dentre os israelenses na lista, Yafa Adar viralizou ao ser levada pelo Hamas num carrinho de golfe. Adar foi sequestrada em um kibutz de Nir Oz perto da fronteira com Gaza.

Trabalhadores tailandeses

Após chegar a Israel e serem submetidos a exames médicos, os 10 trabalhadores tailandeses libertados pelo Hamas posaram para foto com um membro do governo tailandês em Tel Aviv. Eles ainda não foram identificados.

Grupo de 10 trabalhadores tailandeses libertados pelo Hamas na sexta-feira (24) — Foto: Foto: Reuters

Alemães libertados

A ministra de Relações Exteriores da Alemanha, Annalena Baerbock, afirmou que entre os libertados há quatro pessoas com cidadania alemã. .

"Eu estou aliviada porque 24 reféns foram libertados na Faixa de Gaza, entre eles 4 alemães, e que um pai, depois de 49 dias de inferno, de medo inimaginável, pode finalmente abraçar suas duas filhas e sua mulher", disse Annalena.

Imagens mostram o momento em que reféns do Hamas são libertados

Imagens mostram o momento em que reféns do Hamas são libertados