Ação acontece devido um possível desabastecimento de medicamentos e redução no número de atendimentos devido à falta de recursos financeiros.


Fundação de Medicina Tropical, em Manaus. — Foto: Reprodução/Google Maps

Fundação de Medicina Tropical, em Manaus. — Foto: Reprodução/Google Maps

O Ministério Público do Amazonas (MPAM) faz uma inspeção na Fundação de Medicina Tropical - Hospital de Medicina Tropical (FMT-HVD), nesta quarta-feira (31). A ação acontece devido um possível desabastecimento de medicamentos e redução no número de atendimentos devido à falta de recursos financeiros.

De acordo com o MP, a falta de recursos para o hospital compromete diretamente a capacidade em prestar assistência às pessoas acometidas de doenças infecciosas e parasitárias, tais como HIV/AIDS e Hepatites Virais.

"Apesar dos contratos vigentes, o que prejudica não só o abastecimento, como prejudica a prestação de serviços é a falta dos repasses do fundo estadual, da Secretaria de Saúde, o que impacta diretamente nos serviços e nos contratos vigentes da Fundação", disse o promotor de Justiça do MP, Edinaldo Medeiros.

O g1 solicitou um posicionamento da Secretaria de Estado de Saúde do Amazonas (SES-AM) sobre as alegações que foram feitas pelo MP durante a fiscalização na Fundação de Medicina Tropical e aguarda resposta.