Pneu do automóvel furou. Maicon Ataliba e Ingrid Moreira pararam no acostamento da ES-060, conhecida como Rodovia do Sol, momento em que o outro automóvel atingiu o carro parado.

Por g1 ES e TV Gazeta

Professor de Matemática Maicon Ataliba, de 26 anos, e a namorada Ingrid Moreira, de 19, morreram em acidente na ES-060, em Itapemirim, no Sul do Espírito Santo — Foto: Divulgação/Redes Sociais
1 de 3 Professor de Matemática Maicon Ataliba, de 26 anos, e a namorada Ingrid Moreira, de 19, morreram em acidente na ES-060, em Itapemirim, no Sul do Espírito Santo — Foto: Divulgação/Redes Sociais

Professor de Matemática Maicon Ataliba, de 26 anos, e a namorada Ingrid Moreira, de 19, morreram em acidente na ES-060, em Itapemirim, no Sul do Espírito Santo — Foto: Divulgação/Redes Sociais

Um casal morreu em um grave acidente que aconteceu na ES-060, conhecida como Rodovia do Sol, em Itapemirim, no Litoral Sul do Espírito Santo. O acidente foi na manhã deste sábado (6), na altura da região de Gomes. O professor de Matemática Maicon Ataliba, de 26 anos, e a namorada Ingrid Moreira, de 19, chegaram a ser socorridos para hospitais de região, mas não resistiram aos ferimentos. Uma terceira pessoa que estava no veículo ficou ferida.

Segundo a Polícia Militar, o casal de jovens parou no acostamento da via para trocar o pneu do carro que havia furado quando um outro automóvel, em alta velocidade, atingiu o veículo. A PM informou que o condutor do outro carro apresentava sinais de embriaguez e foi conduzido para a delegacia.

2 pessoas morrem após batida na Rodovia do Sol

De acordo com os policiais que atenderam a ocorrência, o carro do casal era um Chevrolet Cruze e outro carro que bateu é um Chevrolet S10. Quando a PM chegou ao local do acidente, uma equipe do Corpo de Bombeiros estava presente.

Os bombeiros informaram que três vítimas do Chevrolet Cruze (o carro atingido) foram socorridas por ambulâncias e encaminhadas a hospitais da região. A pessoa que ficou ferida é irmão de Ingrid. Segundo a corporação, o condutor da S10, um homem de 35 anos, desde o início do atendimento da ocorrência já não estava no local.

Carro atingido por caminhonete na ES-060, em Itapemirim, no Espírito Santo — Foto: Divulgação/PM

Maicon, que estava conduzindo o veículo Cruze, que foi atingido, e um outro passageiro – não identificado – foram socorridos para a Unidade de Pronto Atendimento de Marataízes, mas Maicon teve múltiplas fraturas e não resistiu aos ferimentos. Já Ingrid foi socorrida para o Hospital Menino Jesus, assim como o motorista da S10. Ingrid também não resistiu.

O tio de Maicon foi o primeiro a saber do acidente. "Um amigo me ligou e falou que tinha uma notícia triste para me falar: 'seu sobrinho, houve um acidente e ele veio a falecer'. Eu disse: 'você está brincando'. Ele respondeu: 'é sério, amigo'. Eu fiquei sem rumo na vida", disse Erivelto Ataliba. O sobrinho dele voltava de uma festa.

O adolescente de 17 anos passou por uma cirurgia na perna e segue internado na Santa Casa de Cachoeiro de Itapemirim.

LEIA TAMBÉM:

Uma equipe da Polícia Militar seguiu para o hospital onde o motorista da caminhonete estava. Ele aceitou fazer o teste do bafômetro, mas soprava o aparelho de forma ineficiente, alegando não ter condições de fazer o exame. No entanto, foi constatado que ele possuía sinais visíveis de embriaguez, permanecendo internado sob escolta.

Carro atingido por caminhonete na ES-060, em Itapemirim, no Espírito Santo — Foto: Divulgação/PM

A Polícia Civil informou que o corpo de Maicon foi levado para o Serviço Médico Legal (SML) de Cachoeiro de Itapemirim. A ocorrência está em andamento. Somente após a finalização das oitivas, teremos mais informações sobre os procedimentos adotados pelo delegado da Central de Teleflagrante.

O motorista da caminhonete deve ser levado para a delegacia assim que receber alta do hospital.