O resultado colocou o Estado na primeira posição do ranking nacional. Com isso, as atividades de Serviços começaram o ano de forma bem positiva, depois de um 2023 de muitas dificuldades para o setor.

A variação de 10,9% no volume de serviços prestados em janeiro, no Amazonas, foi 7,6 pontos percentuais maior que a de dezembro de 2023 e 10,2 pontos percentuais maior que a variação nacional. A taxa de janeiro foi a maior variação dos últimos doze meses.

Na comparação com as demais Unidades da Federação, o Amazonas ficou na liderança do ranking nacional. Os melhores resultados foram do Amazonas (10,9%), Rio de Janeiro (5,3%) e Roraima (5,1%). Os piores desempenhos ficaram com Rio Grande do Norte (-3,6%), Goiás (0,1%) e Bahia (0,2%).

AM fica entre Estados com melhores taxas positivas em Serviços

Conforme o levantamento, nacionalmente, 16 das 27 unidades da Federação assinalaram expansão no volume de serviços em janeiro de 2024, na comparação com o mês imediatamente anterior, acompanhando o avanço observado no resultado do Brasil (0,7%).

Entre os locais que apontaram taxas positivas nesse mês, o impacto mais importante veio do Rio de Janeiro (5,3%), seguido por São Paulo (0,8%), Amazonas (10,9%), Distrito Federal (2,8%) e Paraná (1,5%). Em contrapartida, Mato Grosso (-3,3%) e Bahia (-1,6%), seguidos por Mato Grosso do Sul (-2,4%), Pará (-2,1%) e Goiás (-1,3%) exerceram as principais influências negativas do mês.

No país, os segmentos com melhor volume de serviços, em relação a dezembro, foram o de Informação e Comunicação, com serviços audiovisuais, de edição e de agências de notícias (27,6%).

Pesquisa Mensal de Serviços

A PMS produz indicadores que permitem acompanhar o comportamento conjuntural do setor de serviços no país, investigando a receita bruta de serviços nas empresas formalmente constituídas, com 20 ou mais pessoas ocupadas, que desempenham como principal atividade um serviço não financeiro, excluídas as áreas de saúde e educação.

Há resultados para o Brasil e todas as Unidades da Federação. Os resultados podem ser consultados no Sidra.

Esta é a décima terceira divulgação da nova série da pesquisa, que passou por atualizações na seleção da amostra de empresas, além de alterações metodológicas, com o objetivo de retratar mudanças econômicas na sociedade.

São atualizações já previstas e implementadas periodicamente pelo IBGE. A próxima divulgação da Pesquisa Mensal de Serviços, relativa ao mês de fevereiro, será em 12 de abril.