O vereador Sostenes Adiel Pereira Batista, do Podemos, é suspeito de agredir a própria mulher, de 24 anos, em Itacoatiara, no interior do Amazonas. O caso foi denunciado pela vítima no sábado (23).

O g1 tenta contato com o parlamentar.

Segundo Boletim de Ocorrência registrado na Delegacia Especializada de Itacoatiara, a vítima estava em casa, por volta das 21h30, cuidando dos enteados, quando resolveu levar as crianças para a casa da sogra e soube que o vereador estava em um flutuante, bebendo com amigos.

Após deixar os enteados na casa da sogra, a mulher voltou para residência do casal e encontrou o vereador. No entanto, segundo relato à polícia, ela disse que não ia mais ficar no local, momento em que o parlamentar a puxou pelo braço e, em seguida, lhe puxou pelos cabelos.

A mulher narrou, ainda, que conseguiu deixar a casa com a ajuda da irmã.

Na manhã desta segunda-feira (25), a Polícia Civil pediu medidas protetivas em favor da vítima, que são:

  • Afastamento do lar, domicílio ou local de convivência com a ofendida;
  • Proibição de determinadas condutas, entre as quais: aproximação da ofendida, de seus familiares e das testemunhas, fixando o limite mínimo de distância entre estes e o agressor; contato com a ofendida, seus familiares e testemunhas por qualquer meio de comunicação; e frequentação de determinados lugares a fim de preservar a integridade física e psicológica da ofendida.

A polícia pediu ainda que, caso o vereador descumpra as medidas, seja preso preventivamente.