(Foto: Reprodução/Redes Sociais)

(Foto: Reprodução/Redes Sociais)

Amós Chagas da Mota, 20 anos, Lucas Miguel Pereira Mota, 33 anos, e o adolescente de 17 anos foram agarrados e espancados pela população que os acusava de assalto a um motorista de aplicativo. A tentativa de linchamento ocorreu por volta das 06h50 desta segunda-feira (29) na Avenida Grande Circular, em frente a um shopping, na avenida Autaz Mirim, popularmente conhecida como Grande Circular, na Zona Leste de Manaus.

Os policiais foram acionados pelo Ciops para atender ocorrência de disparo de arma de fogo em frente ao shopping. Chegando ao local, havia os três homens que haviam sofrido tentativa de linchamento.

Pessoas que passavam pelo local os acusavam de roubo de um veículo de aplicativo por volta das 02h30 da madrugada de segunda-feira. Os policiais acionaram o SAMU, que conduziu os indivíduos ao pronto-socorro João Lúcio, onde receberam atendimento médico.

De acordo com a vítima, por volta das 02h30, recebeu solicitação de corrida na Avenida Itaúba e, ao chegar ao local, seis homens queriam entrar no veículo, porém, foi somente aceito pelo condutor dois deles, ao se aproximar de um posto de gasolina, da Avenida Grande Circular, mandaram que ele encostasse no posto e anunciaram o assalto.

De acordo com a vítima, um deles estava portando arma de fogo, ao sair do veículo o dono do carro conseguiu tirar seu celular. O veículo foi levado pelos criminosos, que acabaram se acidentando em frente ao shopping.

A vítima disse que recebeu apoio de uma pessoa que o conduziu ao local do acidente, onde os ladrões haviam deixado o veículo roubado.

A vítima passou imagens feitas do seu celular para os demais motoristas de aplicativo, que localizaram três assaltantes na Avenida Itaúba, no mesmo local da solicitação da corrida.

Os suspeitos foram levados ao local do acidente onde começaram as agressões por parte de motoristas e transeuntes que passavam pelo local. Os maiores foram presos e o adolescente apreendido. Todos foram apresentados no 14º Distrito Integrado de Polícia (DIP).